FRIAS GONÇALVES


Frias Gonçalves, é natural de Coimbra, freguesia de Sé Nova,onde nasceu em Abril de 1942.Frequentou o Liceu D.João III acabando por desistir de estudar.Aprendeu guitarra por si em 1958, mas a dedilhação foi-lhe ensinada pelo malogrado Victor do Carmo.Em Coimbra tocou com os guitarristas Victor do Carmo,Assis e Santos,Manuel Pais,António Ralha,Jorge Gomes,Octávio Sérgio, Fernando Monteiro, José Paulo e Jorge Godinho,com os cantores Fernando Hermida , José Manuel dos Santos ,Raul Dinis,Jorge Cravo e Joaquim Leitão,com os violas Rui Nazaré, Manuel Dourado,Horácio Leitão, Jorge Tito,Custódio Moureirinhas,João Reis,Rui Pato e Paulo Alão.Em 1963 abandonou para cumprir o serviço militar de onde voltou em 1967,radicando-se em Lisboa como Técnico de Electrónica na TAP,recomeçando a tocar em 1974. Em Lisboa tocou com os guitarristas Carlos Couceiro, Teotónio Xavier, Francisco Vasconcelos,João Bagão, Alexandre Bateiras,José Rodrigues e Silva Ramos com os violas Rodrigues Pereira , Rodrigues Rocha,José Tito , Carlos de Figueiredo, Levy Baptista, Durval Moureirinhas,Ferreira Alves e Carlos Vieira(TAP) com os cantores Sutil Roque,Luís Góes,Augusto Camacho,Anarolino Fernandes,António Bernardino,Manuel Branquinho,Damas Mora,Carlos Carranca,José Henrique Dias(bicho cantor)António Mário(TAP)João Tomé,Tito Costa Santos,Fernando Marcelino(TAP)Arménio Santos,Machado Soares,Joaquim Matos,Victor Nunes,Pedro Ramalho,Pedro Couceiro e Alexandre Herculano .Foi também um grande amigo do Mago da Guitarra de Coimbra,ARTUR PAREDES.
Após a sua reforma foi viver para os arredores da Figueira da Foz onde construiu um Estúdio amador para fazer os seus trabalhos musicais.Até agora gravou(não oficialmente) 13 obras de sua autoria,17 Guitarradas inéditas(RARIDADES)e 8 guitarradas desaparecidas dos discos de 78Rpm(SALVANDO OS 78/Rpm).Tudo isto corresponde a 3 anos de trabalho ao qual as “EDITORAS”não mostram o mínimo interesse na sua edição.
Fez digressões artísticas pelo Canadá, E.U.A.., Brasil, Venezuela, Açores e Madeira.